• Slide 3
  • Slide 1
  • Slide 2
  • Slide 4
  • Slide 5

Fundadores

 

Desde 1917 Alzira da Conceição Sobrinho e Maria Augusta Martins, naturais da aldeia de Pereira – Mirandela, viviam o ideal de fundar uma Congregação Religiosa dedicada à adoração e reparação de Jesus no Sacramento da Eucaristia, segundo uma espiritualidade franciscana.

Enquanto as autoridades da Igreja não concediam a necessária aprovação, as duas foram alimentando este sonho, começando desde logo a encarná-lo na sua vida, através do testemunho e de obras de apostolado e de solidariedade.

Maria Elisa Feyo (que viria a ser a primeira Superiora Geral da nova Congregação) e Florência do Carmo Pereira, simpatizantes e admiradoras da obra, assumiram também como seu este ideal e, de alma e coração, trabalharam para a sua concretização.

No ano de 1939, foi transferido da Diocese de Cochim, na Índia, para a sua diocese de origem (Bragança-Miranda), D. Abílio Augusto Vaz das Neves que,  ao tomar contacto com o ideal de Pereira, depressa o assume e incrementa com paternal solicitude.

É então que se dá início à formação dos dois primeiros elementos, com a ajuda das Irmãs Franciscanas Missionárias de Maria, em Barcelos.

Com a consagração, Maria Elisa adoptou o nome religioso de Ir. Maria do Santíssimo Sacramento e Florência o de Ir. Marta da Imaculada Conceição.

Em Outubro de 1941, as duas, com um grupo de aspirantes, davam início à vida comunitária.

Também Alzira e Maria Augusta, quando foi achado oportuno, puderam ver realizado o seu sonho de abraçar a vida religiosa, e ingressaram na Congregação adoptando o nome religioso, respectivamente de Ir. Maria de S. João Evangelista e Ir. Maria da Santíssima Trindade.

 

Newsletter

Receba as nossas novidades.
Subscreva a nossa Newsletter:

© 2013 SFRJS Todos os direitos reservados